BLOG

Marketing de influência: estratégias e tendências para ficar de olho

Postado em 02/08/2021

Se você der uma boa espiada aqui no blog, verá que falamos muito de marketing, ferramentas de negócios, estratégias interessantes, novidades e muito mais. Hoje trazemos mais um conteúdo para você, com o tema marketing de influência.


O marketing de influência é uma das formas de você se comunicar com novos públicos e criar conexão com seus consumidores, além de aumentar o alcance de marca, tráfego de sites e vendas. Simplificando, podemos dizer que seria a estratégia de influência nas compras na versão digital. Sabe quando você faz suas compras, mas primeiro troca ideias com amigos e familiares em busca de recomendações? É isso!


O Psychologist World, site que traz tudo sobre psicologia, explica que a influência social afeta e muito nossas opiniões e comportamentos. Segundo a página, “As pessoas sentem a necessidade de serem informadas com precisão, e quando não confiam em seu próprio conhecimento, buscam outras pessoas na esperança de que elas sim forneçam a informação correta. Ao aceitar essa informação, independentemente de ela estar correta, a pessoa está sujeita à influência social”.


E na prática, como isso funciona? Digamos que você seguirá somente as recomendações de compra de quem você confia, certo? Então, para isso, as marcas precisam contar com influenciadores que sejam de confiança do consumidor – além de estarem alinhados com o propósito da empresa e terem afinidade com a marca.


É importante reforçar que para encontrar esse influenciador que seja a “cara” do seu negócio é preciso olhar muito além de números de seguidores nas redes sociais. É necessário fazer uma pesquisa profunda de mercado, conhecer os perfis de público e suas necessidades também.


Agora que já explicamos um pouco sobre o marketing de influência, vamos compartilhar com você algumas estratégias e tendências para aplicar no seu negócio. Confira:


Microinfluenciadores ganham espaço

Um estudo lançado pela FleishmanHillard, agência de relações públicas e marketing, aponta que microinfluenciadores – influencers que têm entre 10 e 50 mil – ganharão ainda mais espaço, pois são mais “acessíveis”. Ainda possuem uma taxa de engajamento de mais de 40%, atingindo um público bem nichado.


Ofereça uma experiência personalizada

A estratégia é ir muito além da escolha de um influencer, é cruzar campanhas e focar em criar experiências personalizadas ao público. Com a pandemia, a expectativa pela experiência digital se tornou ainda maior, isso por conta do consumo mais intenso de conteúdo digital.


Diversidade é tendência mundial

É fundamental que a marca e o influenciador tenham ideais alinhados. Invista naqueles que apoiam causas sociais, que defendem a diversidade e a mentalidade coletiva. Lembre-se que sua marca também deve ter isso como prática e fazer com que seja um compromisso interno e externo – tanto na postura dentro da empresa como diante do mercado.


Respeite a liberdade criativa

Para oferecer conteúdos interessantes e autênticos ao seu consumidor, você precisa respeitar a liberdade criativa do influenciador parceiro da sua marca. Você pode direcioná-lo, mas a forma como o conteúdo será apresentado deve partir do influencer. Afinal, ele entende o seu público e o que o interessa, então saberá qual a melhor estratégia para a comunicação. O resultado será algo natural e de credibilidade.


Fique tranquilo quanto ao conteúdo patrocinado

Se o seu medo era perder a credibilidade e a naturalidade ao investir em conteúdo patrocinado – aquela marcação de #publi ou #ad –, pode ficar tranquilo.  O estudo da FleishmanHillard deixa claro que isso não espanta seguidores e nem diminui o engajamento. Claro que o conteúdo precisa ser de qualidade e correspondente ao estilo do público.


Antes de colocar essas estratégias em prática, é preciso ter em mente o objetivo da sua marca: seja divulgar um produto, gerar leads ou reforçar seu branding. Conte com a nossa equipe para explicar mais sobre o assunto e descobrir quais são as melhores estratégias para o seu negócio!


Por: Aline Tomaselli


Compartilhe:

Mais Notícias