BLOG

PWA: como pode ajudar o seu negócio

Postado em 17/08/2020

Muito parecido com os aplicativos nativos, o Progressive Web App – ou PWA – é uma plataforma que anda ajudando muito o varejo on-line. Mostraremos aqui para você as várias funções que ele oferece para o seu negócio!


Mais de 1 milhão e meio de pessoas compraram pela primeira vez na internet durante a pandemia, colocando o e-commerce lá em cima, como um canal muito importante para vendas. Daí surgiu a necessidade da adaptação das lojas para o varejo on-line e a oportunidade de inovar as vendas e utilizar novas ferramentas para isso!


O PWA é uma nova metodologia de desenvolvimento de software, basicamente uma aplicação híbrida entre web e mobile, ou seja, são páginas na web que se comportam como aplicativos. 


Imagine que você goste muito de um site e possa adicioná-lo ao desktop do seu celular para acessá-lo com apenas um clique, como se fosse um aplicativo. Basicamente é isso que o PWA pode fazer. Depois de clicar no ícone, ele será exibido a partir de um navegador ou do próprio sistema. Além de agir dessa forma, ele também é capaz de enviar notificações sobre o site, ter acesso a API’s nativas, como geolocalização, câmera, microfone etc.



Essa ferramenta permite implementação de funções na web que antes eram exclusivas somente em aplicativos nativos. Os resultados? Está sendo muito útil para aumentar o tráfego em sites, sessões, conversões, envolvimento e visualizações nas páginas de marcas.


O PWA é excelente para negócios que querem facilitar e resolver atritos de comunicação. Além de ser mais viável financeiramente que um aplicativo nativo, o PWA permite que as funções sejam executadas pelo navegador, sem que o usuário precise baixar um app. É menos espaço ocupado nos dispositivos e funcionamento até sem uma conexão na internet.


É uma tendência muito interessante, mas nem tudo é perfeito, por isso também é interessante saber as limitações que o PWA pode ter frente ao seu negócio. Apesar de vários pontos positivos do software, não é possível fazer a integração do PWA com outros aplicativos. Vibrações e toques também são funções que não estão presentes e a performance não será tão boa quanto a de um aplicativo nativo.


E como é que o PWA pode ajudar o meu negócio?



Você não precisa escolher entre ter um PWA ou ter um aplicativo nativo, na maioria das vezes as marcas utilizam os dois itens aplicados. Por isso, precisamos analisar a necessidade de cada projeto para aplicar as tecnologias da forma correta. Para te ajudar a entender isso você precisa avaliar a necessidade da sua marca dessa forma:

PWA: utilize quando você deseja migrar sua versão web para um aplicativo sem esforço, resolvendo o principal problema do usuário com poucas funcionalidades e muita velocidade;

APP nativo: versão completa da sua aplicação com a grande maioria dos recursos disponíveis no seu projeto.

Sendo assim, utilize o PWA para o seu negócio se ele for muito bem desenvolvido, acelerando o processo de navegação do usuário para a atração e compra.

Resumo da ópera: o PWA deve ser muito rápido e só precisa resolver as funções mais comuns do aplicativo, enquanto o aplicativo nativo pode conter todas as outras funções que a marca quer oferecer de experiência ao usuário.

Espero que tenha gostado do nosso conteúdo! Siga a KWB nas redes sociais ou fale conosco caso tenha interesse em aplicar essa estratégia na sua empresa! ;)


Por: Sabrina Stringari

Publicitária por formação e planejamento na KWB. 

Ama uma série de comédia, filmes de romance e fazer carinho nos animais!


Compartilhe:

Mais Notícias